Notícias

Irmã Judith Lupo é Anjo na Terra
POR REDAÇÃO A12 EM IGREJA 21 JUN 2018 - 16H44 ATUALIZADA EM 25 JUN 2018 - 14H34

Irmã Judith Lupo é Anjo na Terra

  
 
A12.
A12.

 

 

 

Há mais de 30 anos trabalhando no Centro Social Nossa Senhora do Bom Parto, Irmã Judith Lupo é um nome conhecido por diversas gerações de pessoas assistidas por essa entidade social que atinge a zona leste de São Paulo.

 

Bompar como também é chamado este centro social, já completou 70 anos em 2016, e destes, Irmã Judith esteve presente em mais de 30.

 

Atualmente, a Bompar atinge cerca de 10 mil pessoas por dia, entre crianças, adolescentes, jovens, idosos e moradores de rua, a partir das suas 56 unidades.

 

Irmã Judith começou seu trabalho pelo incentivo de Dom Luciano Mendes de Almeida, que como ela se preocupava com a “meninada” que ficava na rua sem perspectiva de vida.

“Conheci Dom Luciano quando ele era o padre Mendes lá em Itaici. Conversando sobre a realidade brasileira eu perguntei pra ele por que a gente deixava essa meninada na rua. E ele falava ‘não sei irmã, vê se a senhora descobre’. E aí nós começamos a trabalhar pra eles”, lembra a religiosa.

 

 

A história da irmã Judith ao longo desses longos anos à frente da Bompar se mistura na vida de muitas pessoas que receberam apoio, acolhida e amor quando era mais necessário.

 

Uma dessas pessoas é Marilda Lima, que há 30 anos foi uma adolescente assistida pela entidade e hoje é responsável pelo trabalho pedagógico realizado pela Bompar.

Arquivo Bompar.
Arquivo Bompar.
Irmã Judith e Marilda Lima, anjos na terra.

 

 

Marilda cresceu sob a proteção da Bompar, de Dom Luciano e da Irmã Judith.

 

Irmã Judith é uma das pessoas que a gente pode considerar como um ‘Anjo na Terra‘, ou seja, alguém que protege, zela e cuida.

 

 

 

 

:: Conheça a história de Marilda Lima, 52 anos, educadora, mãe e também um ‘Anjo na Terra’


Voltar